0

Investidor deve ter perfil de franquia escolhida; veja dicas

Para diretor de expansão das marcas Giraffas e Tostex, empreendedores envolvidos diretamente com as unidades têm melhor desempenho

18 jul 2014
07h30
  • separator
  •  
  • comentários

A afinidade do empresário com a marca ou o setor da franquia escolhida podem determinar o sucesso ou o fracasso do investimento.

<p>Ser um bom gestor de equipe pode ajudar a reter talentos para o negócio</p>
Ser um bom gestor de equipe pode ajudar a reter talentos para o negócio
Foto: Getty Images

Segundo o diretor de expansão do Giraffas e da Tostex, Eduardo Guerra, é importante que o interessado em entrar no segmento avalie se realmente tem perfil para ser tornar um franqueado, se gosta do modelo de loja escolhido e, principalmente, se terá tempo para se dedicar ao negócio.

Para ele, os empreendedores envolvidos diretamente com as unidades têm melhor desempenho. Conheça abaixo seis dicas de Guerra para quem está prestes a escolher uma franquia:

Seja ou contrate um bom gestor de pessoas
O investidor precisa ter habilidade de gerir pessoas, além de disposição para atividades operacionais. Caso o empreendedor tenha interesse em apenas investir, ele precisa apresentar um sócio operador com disponibilidade para o operacional.

Tenha afinidade com o ramo da franquia escolhida
Não ter afinidade com o negócio escolhido ou optar por um segmento com pouco potencial pode predestinar uma vida curta para a franquia, já que esse é um dos primeiros pontos que devem ser analisados por um futuro franqueado.

A escolha errada pode gerar desmotivação para inovar e empreender, além de falta de disponibilidade para gerir o negócio. Tudo isso, no futuro, pode acarretar ainda problemas de relacionamento com a equipe interna e a da franqueadora, prejudicando o desempenho da unidade.

Dedicação diária ao négocio
Para determinadas operações, a presença do dono no dia a dia da franquia pode fazer toda a diferença no desempenho da unidade. Diferentemente de um gerente, o franqueado é o dono do negócio e sua dedicação à operação tende a ser maior, o que, consequentemente, influenciará nos resultados.

Capacitação da equipe
Pesquisas afirmam que o dinheiro não é a principal motivação dos colaboradores. Trabalhar em um ambiente agradável, com um gestor que motive a equipe e seja um bom líder pode ser crucial para reter os talentos dentro de uma franquia e fazê-los trabalhar em prol dos resultados. Por esse motivo, as redes de franquia têm investido constantemente na capacitação da equipe da franqueadora e também de seus franqueados.

Perspectivas para a franquia
É importante que o potencial franqueado tenha sempre o ponto de vista de quem está do outro lado do balcão, e não o de quem usufrui os serviços e produtos oferecidos no setor. Outros pontos relevantes são avaliar criteriosamente, dentro do segmento escolhido, quais são as perspectivas reais do mercado e que tipo de sazonalidade pode ser enfrentada e ter certeza de que terá os recursos necessários para abrir o negócio e sustentá-lo até atingir o ponto de equilíbrio.

Conversa com outros franqueados
Conversar com outros franqueados também pode esclarecer dúvidas e expectativas sobre como funciona determinada rede ou segmento.

Terra

compartilhe

comente

  •  
  • comentários
publicidade
publicidade