0

Filas em agências da Caixa marcam 1º dia de saque do FGTS

10 mar 2017
14h36
atualizado em 13/3/2017 às 19h08
  • separator
  • comentários

As pessoas que fazem aniversário em janeiro e fevereiro começaram hoje (10) a sacar o dinheiro de suas contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Até as 11h, a Caixa Econômica Federal fez 700 mil pagamentos, liberando um total de R$ 163 milhões a 320 mil trabalhadores.

Agência da Caixa no Rio tem fila para o saque do FGTS de contas inativas -
Agência da Caixa no Rio tem fila para o saque do FGTS de contas inativas -
Foto: Agência Brasil

As filas se formaram nas portas do banco desde cedo, mesmo com algumas agência abrindo antes das 8h. Valores abaixo de R$ 3 mil podem ser sacados em caixas eletrônicos e agências lotéricas, mas a falta de informação sobre o direito ao saque e problemas com o Cartão Cidadão levaram as pessoas a permanecer nas filas para o atendimento interno nas agências.

A operadora de caixa Nayara Núbia, de 27 anos, esteve logo de manhã em uma agência da Caixa Econômica Federal, em Ceilândia, no Distrito Federal. Grávida de Samuel, ela aprovou a iniciativa do governo de liberar os recursos e já sabe onde irá investir. "Agora, vou comprar o enxoval para a chegada do bebê", disse.

Apesar de ter consultado o saldo com antecedência, ela conseguiu sacar apenas a metade do valor que tinha nas suas contas. O atendimento no caixa eletrônico foi rápido, mas, por causa de um problema no sistema, terá que voltar para sacar o restante em outro dia.

Funcionários de mais de 1.800 agências da Caixa estarão de plantão neste sábado (11) para tirar dúvidas dos interessados. A consulta às agências que funcionarão pode ser feita na página da Caixa.

A divulgação na televisão e nas redes sociais fizeram a servidora pública Ana Cristina Sousa, de 37 anos, procurar a agência da Caixa hoje. "Acho que é uma tentativa do governo de movimentar o mercado e também tirar muita gente da inadimplência, que é o meu caso", disse ela, contando que, com o dinheiro do saque, vai colocar em dia as contas atrasadas.

O autônomo José Messias Silva Costa, de 45 anos, vai usar o dinheiro do FGTS para dar entrada na casa própria. Dono de uma pequena loja em Ceilândia, ele espera que as vendas aumentem, já que as pessoas terão dinheiro em mãos. Ainda na fila de espera, Costa disse que não conseguiu consultar o saldo da conta com antecedência, mas esperava conseguir fazer o saque no caixa eletrônico, mesmo sem o Cartão do Cidadão.

Quem tem direito a mais de R$ 50 mil deve ir pessoalmente a uma agência, que tem até 24 horas para liberar a quantia. Clientes da Caixa podem optar por receber o dinheiro automaticamente em suas contas-poupança.

Veja também

Agência Brasil Agência Brasil

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade