0

Todo empreendedor deve ser também um líder

2 out 2012
07h20

Empreendedorismo e liderança são dois temas que, com frequência, aparecem associados. Mas, para abrir uma empresa é preciso, necessariamente, ser um líder? Gilberto Sarfati, professor da Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV-EAESP), e Gilberto Guimarães, professor de Liderança da Business School São Paulo (BSP), acreditam que sim. "Sem dúvida essa é uma relação direta. Se o empreendedor sabe que não possui essa característica, ele precisa encontrar um sócio que assuma o papel do líder", diz Guimarães.

Empreendedorismo e liderança são dois temas que, com frequência, aparecem associados. Segundo especialistas, todo dono de empresa também tem de ser um líder
Empreendedorismo e liderança são dois temas que, com frequência, aparecem associados. Segundo especialistas, todo dono de empresa também tem de ser um líder
Foto: Shutterstock



Para Sarfati, é fundamental que o líder seja o dono da empresa porque é por meio dele que serão passados os valores e a cultura da organização. "É ele quem deve indicar o direcionamento da empresa, guiar a equipe para onde ela deve ir", explica.

Contratar um gerente ou diretor que assuma essa função não é uma boa alternativa, na opinião de Guimarães. "Um profissional com características de líder é muito caro. Mas, se o empreendedor não tiver sócios, é melhor contratar alguém do que deixar a equipe sem nenhuma figura de liderança", aponta.

As principais características de um líder, segundo os professores, são capacidade de fazer escolhas, de motivar, inspirar, convencer e influenciar pessoas. "O líder também tem de saber ouvir a equipe", completa Sarfati.

Como aprender a ser um líder
Ao contrário do que o senso comum acredita, liderança não é um dom inato. Portanto, é algo que pode, sim, ser aprendido ao longo da vida. "É evidente que algumas pessoas nascem com essa característica mais acentuada, mas isso não significa que ela não possa ser aprendida", pondera Guimarães.

Antes de procurar meios para desenvolver o espírito de liderança, é fundamental que o empreendedor faça uma autoanálise com o objetivo de identificar, com sinceridade, se possui - ou não - características de um líder. "Ele pode começar revendo a sua trajetória na escola, na faculdade, nos empregos anteriores e constatando se costumava tomar a frente dos projetos ou não", aconselha Sarfati.

A partir daí, mesmo para quem possui características de liderança e deseja aprimorar esse lado, vale buscar cursos formais sobre o assunto, livros ou até mesmo pesquisar na internet.

"Mas o mais importante mesmo é o treinamento. Nos cursos, o empreendedor aprende quais são as competências essenciais para liderar, mas ele só vai encontrar a fórmula que combina com o seu estilo e com o da sua empresa quando por em prática. Se o empresário não aplicar, vira apenas cultura e não aprendizado", explica Guimarães.













Fonte: Cross Content

compartilhe

publicidade
publicidade