Economia

publicidade
06 de abril de 2013 • 23h39

Em fórum, presidente da China destaca investimento em turismo

O presidente da China, Xi Jinping, inaugurou neste domingo o Fórum de Boao
Foto: AP

O presidente da China, Xi Jinping, inaugurou neste domingo o Fórum de Boao com um discurso no qual destacou que a China tentará aumentar "constantemente" o consumo interno e se transformará em uma importante fonte de turistas para todo o mundo com a previsão de 400 milhões de viajantes nos próximos 5 anos.

Em seu discurso no principal fórum econômico da Ásia, Xi afirmou que o desenvolvimento da China "vai trazer oportunidades a todo o mundo" de forma pacífica, apesar das possíveis tensões com as nações vizinhas. "A China tem lembranças dolorosas, a miséria causada por guerras e turbulências, por isso lutará pela paz", afirmou Xi para vários líderes do continente asiático e de outras regiões do mundo.

O presidente da China reiterou o objetivo da segunda maior economia mundial de aumentar as importações para US$ 10 trilhões nos próximos cinco anos. Xi Jinping também ressaltou que a China duplicará seu PIB antes de 2020 para alcançar os objetivos de uma "sociedade modestamente confortável".

O líder chinês explicou que seu país vive "um momento de convergência com o mundo sem precedentes", ressaltando especialmente neste sentido a Ásia, um continente "cujo desenvolvimento depende da China e vice-versa".

Em um fórum que nasceu em 2001 com vocação asiática, mas que neste ano ultrapassou suas fronteiras, o presidente da China destacou que mais da metade do crescimento econômico mundial acontece na região asiática.

O Fórum de Boao, o "Davos asiático", abriu suas portas ontem na ilha de Hainan, no sul da China, mas apenas hoje aconteceu o ato de inauguração. Ontem houve diversos debates em torno da economia asiática e a situação internacional, dos quais participaram magnatas como Bill Gates ou gurus da economia como George Soros.

EFE