5 eventos ao vivo

Volks renova Gol e Voyage para brigar com asiáticos

29 jul 2012
10h38
Karina Craveiro
Direto de Florianópolis

A defesa da Volkswagen para os esperados Hyundai HB20 e Toyota Etios veio em forma de reestilização. Gol e Voyage, que concorrerão com os veículos das montadoras coreana e japonesa, respectivamente, adotaram a nova linha global de design da marca alemã. O face-lift de meia-vida, e de contra-ataque, inclui "nova identidade", e fez com que os modelos parecessem cópias de outros veículos da gama. O Gol lembra o Polo europeu, enquanto o Voyage é praticamente um "mini Jetta". Tudo por conta da grade escura e afilada e faróis e vincos no capô mais agressivos. Além do visual, sedã e hatch chegam mais recheados. Entre os itens de série estão vidros dianteiros elétricos, travas e abertura elétrica do porta-malas, coluna de direção regulável e alerta de faróis ligados. Itens "básicos" como ar-condicionado, ar-quente e direção hidráulica são apenas opcionais. Assim como airbags duplos dianteiros, transmissão automatizada i-Motion e volante multifuncional.

» Veja a evolução do Volkswagen Voyage

Volkswagen Gol e Voyage são oferecidos a partir de R$ 27.990 e R$ 29.990, respectivamente
Volkswagen Gol e Voyage são oferecidos a partir de R$ 27.990 e R$ 29.990, respectivamente
Foto: Divulgação

» Gol, Palio ou Fiesta? Vote no melhor

Em Florianópolis, em Santa Catarina, as reestilizações de Gol e Voyage foram mostradas. Ao entrar nos modelos, no entanto, é preciso estar atento para reparar nos novos detalhes. Estão lá mudanças já esperadas como uma nova iluminação no painel - bastante discreta -, novos revestimentos para bancos e portas, nova manopla do câmbio e pequenos detalhes nas saídas de ar. O novo rádio - item opcional -, em material que imita "black piano", trabalha em conjunto com o sensor de ré, também opcional. Um gráfico do sensor de obstáculos traseiro aparece no visor, orientando o motorista ao manobrar o veículo.

O primeiro veículo testado foi um Voyage 1.0 l Trend, com o novo pacote BlueMotion Technologies. Por R$ 324, o kit BlueMotion inclui pneus "verdes" com menor resistência à rolagem e um indicador no painel. Com o ar-condicionado ligado, por exemplo, o alerta avisa que é válido fechar os vidros para a economia de combustível. O alerta ainda indica ao motorista quando a marcha deve ser passada.

Logo nos primeiros quilômetros de teste, fica claro que a montadora poderia ter ido além nas melhorias de meia-vida. O isolamento acústico do Voyage ainda é bastante simples, e o barulho de rodagem invade a cabine a partir do 80 km/h. Em trechos de subida, os 76 cavalos de potência parecem pouco para empurrar o sedã compacto. A Volks diz que houve um ganho de 3% de torque na faixa até as 3 mil rotações por minuto (rpm) no "novo" motor 1.0 l TEC, mas essa mudança ainda agrega pouco. De resto, o motor consegue se portar dignamente em lugares planos, e se dá bem com o câmbio manual de cinco velocidades, com bom escalonamento. A suspensão é durinha e a transferência das imperfeições de solos mais irregulares é inevitável, e sentida principalmente no eixo traseiro.

Cerca de 40 km depois, o test-drive continua, agora com um Gol 1.6 Power - o topo de linha do modelo mais vendido do Brasil. Na versão, a marca tenta emprestar requinte ao hatch com bancos e portas revestidas em couro - item opcional. O acionamento do farol saiu da alavanca da seta e passou a ser do lado esquerdo do volante, embaixo de uma saída de ar - assim como os modelos mais tops da Volks. Com o pé no acelerador, o hatch acelera com vontade e responde às investidas. Além disso, o Gol é estável nas curvas, tem boa dirigibilidade e continua com a mesma impressão de resistência de sempre.

Confira os preços dos modelos e suas versões:
Gol 1.0 l - R$ 27.990
Gol 1.6 l - R$ 31.800
Gol 1.6 l I-Motion - R$ 34.490
Gol Power - R$ 38.290
Gol Power I-Motion - R$ 40.890
Voyage 1.0 l - R$ 29.990
Voyage 1.6 l - R$ 34.590
Voyage 1.6 I-Motion - R$ 37.190
Voyage Confortline 1.6 l - R$ 40.890
Voyage Confortline 1.6 l I-Motion - R$ 43.490

A jornalista viajou a convite da Volkswagen.

Fonte: Terra
publicidade