0

Frankfurt: novo Bugatti de R$ 7 milhões bate 410 km/h

Grupo Volkswagen abriu a temporada de lançamentos do salão do automóvel de Frankfurt

10 set 2013
07h22
atualizado às 07h36
  • separator
  • 0
  • comentários

O grupo Volkswagen fez as vezes de anfitrião e abriu nesta segunda-feira a temporada de lançamentos do salão do automóvel de Frankfurt, que começa amanhã na cidade alemã. Dono das marcas Volkswagen, Bugatti, Lamborghini, Porsche, Audi, Skoda, Seat e Ducati, o grupo mostrou uma prévia do que começará a vender a seus clientes nos próximos meses. O discurso foi baseado na sustentabilidade e carros elétricos, mas os destaques ficaram para novos esportivos potentes e versões comemorativas que batem a casa dos R$ 7 milhões.

A Bugatti mostrou mais uma de seus modelos da série especial "Les Légendes de Bugatti" (as legendas da Bugatti), uma coleção de seis versões que serão itens de colecionador e terão apenas três unidades fabricadas. Nesta segunda, a marca revelou o Bugatti Grand Sport Vitesse "Jean Bugatti", em homenagem ao primogênito do fundador da fabricante. O carro será equipado com um motor 8.0 l que o levará de zero a 100 km/h em 2s6 e a uma velocidade máxima de 410 km/h. O preço: 2,28 milhões de euros, mais taxas (cerca de R$ 7 milhões).

A Lamborghini também mostrou uma versão comemorativa. A marca italiana fez a estreia mundial do Gallardo LP-570-4 Squadra Corse, baseado em um carro de corrida da Lamborghini. O modelo será equipado com propulsor V10 capaz de gerar até 570 cavalos e levar o veículo aos 320 km/h.

A britânica Bentley mostrou pela primeira vez o Continental GT V8 S, que será vendido na versões coupé e conversível a partir do começo do ano que vem. O destaque do carro tambpem fica por conta de sua performance: o motor que o equipa é um 6.0 l de 12 cilindros e que o leva a 322 km/h.

A estratégia da Porsche foi mostrar que um carro que pode rodar sem emissões de gases também consegue ter performance. O 918 Spyder híbrido atinge os 345 km/h e faz de zero a 100 km/h em 2s8.

A Audi deu ao público duas prévias: o A3 conversível, que vem para o Brasil, e o protótipo Nanuk, que também chamou atenção pelos números: motor V10 5.0 l de 544 cavalos que faz o carro bater em 305 km/h. Além disso, os conceitos que o carro traz, como câmeras no lugar dos retrovisores externos e a suspensão inteligente que se move conforme a velocidade do carro.

A marca Volkswagen escolheu o e-load up!, uma versão elétrica e para uso comercial do up!, como sua estrela da noite. Nem mesmo a versão com motor a combustão chegou ao Brasil. Para o e-load up!, a Volks destacou que o carro pode percorrer 160 km só com a energia da bateria elétrica. A versão esportiva da perua do Golf - mais um carro que não é vendido aos brasileiros - também foi mostrada durante a apresentação.

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade