0

Berlim: feira mostra opções de trens regionais para o Brasil

19 set 2012
08h48
Julia Dócolas
Direto de Berlim

Transporte urbano sustentável e moderno é o enfoque da Innotrans 2012, maior evento de transporte ferroviário do mundo. Em quatro dias, as novidades e inovações no setor de transporte de carga e de pessoas atraem representantes de empresas, governos e especialistas que se reunem para expor novidades, ampliar o

Para inovar nos trens urbanos, a Bombardier apostou numa cartela de cores vivas e misturadas
Para inovar nos trens urbanos, a Bombardier apostou numa cartela de cores vivas e misturadas
Foto: Julia Dócolas / Especial para Terra

networking

e selar novas parcerias no ramo.

Cerca de 2.400 expositores de 45 países estão presentes na feira. O Brasil participa em um estande coletivo com 42 empresas nacionais e representantes estrangeiras atuantes no país em busca de novos negócios. E, em função dos incentivos do governo na área, como a implantação do trem de alta velocidade (TAV) e a verba liberada pela presidente Dilma Rousseff para a reforma e expansão da malha ferroviária no País, o cenário é promissor.

"O Brasil está no caminho pela busca de alianças em função do incentivo que o governo está aplicando no setor. Essas oportunidades estão finalmente surgindo", comentou Rodrigo Vilaça, presidente-executivo da Associação Nacional dos Transportes Ferroviários (ANFT).

As expectativas dos visitantes voltaram-se para a exposição ao ar livre, com 3.500 m de linhas férreas onde instalam-se os novos modelos. O principal foco dos veículos para passageiros foi o transporte urbano e regional (com modelos que não passam dos 180 km/h). Além do desenvolvimento de motores, o conforto dos passageiros foi priorizado por meio de acomodações criativas, espaçosas e até com luxo, como se o transporte coletivo e regional se tornasse uma experiência similar aos trens de alta velocidade.

A Innotrans vai até o dia 21 e oferece, além das exposições, palestras e uma feira técnica para profissionais do setor, imprensa e público em geral.

Fonte: Especial para Terra

compartilhe

publicidade
publicidade