1 evento ao vivo

Brasil rural

Softwares reduzem margem de erros no combate a pragas

22 mai 2013
07h16
atualizado às 07h16
  • separator
  • comentários

Os agricultores têm um aliado cada vez mais importante no ganho de produtividade. Softwares voltados para o controle de pragas nas lavouras ajudam não apenas os produtores rurais, mas também os engenheiros agrônomos, cujo auxílio técnico favorece no diagnóstico correto. Aliando a opinião de profissionais com a precisão de um programa especializado, pode-se reduzir as perdas e incrementar a produtividade agrícola.

De acordo com Leonardo Moreira, coordenador técnico da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater/MG), os softwares atuais possuem fotografias das pragas, informações sobre os sintomas da planta e, em alguns casos, listam possíveis usos de produtos registrados no Ministério da Agricultura, que são atualizados frequentemente. Um dos softwares que preenche todos esses requisitos é o Winfit Saat, utilizado na assistência técnica da instituição mineira.

“Algumas pragas são muito semelhantes e confundíveis a olho nu. Com os softwares, a gente (os agrônomos) consegue acertar. Dá a certeza para o agrônomo e evita um diagnóstico errado sobre determinada planta. Aqui, se não tivéssemos o programa, certamente erraríamos muito mais. Atualizamos, por outro lado, o sistema semanalmente”, explica ao Terra.

Muitos produtores reclamam da dificuldade no uso de alguns programas. Para quem não tem grande desenvoltura na área, recomenda-se principiar por softwares mais básicos, que oferecem menos funções e apresentam alternativas mais fáceis para o novato. Tanto para o controle de pragas quanto para outras instâncias das lides rurais, como a administração financeira de uma fazenda, há opções mais simples, que ainda assim podem prover soluções adequadas para os usuários. Em um negócio familiar, é possível também delegar aos mais jovens a tarefa de aprender o manuseio de softwares desse tipo.

Outro dos entraves na adoção de programas de computador para o aumento da produtividade agrícola é o custo. Os preços dos softwares da área variam de R$ 100 a R$ 2 mil. A longo prazo, no entanto, esse custo é diluído, já que a utilização desse recurso reduz a margem de erros no combate às pragas. Decisões equivocadas, como compra de sementes inapropriadas ou inseticidas que não resolverão o problema das lavouras, podem ser evitadas com alguns cliques do mouse.

GHX Comunicação GHX Comunicação

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade