0

Balança comercial brasileira tem déficit de US$ 275 mi em dezembro

As exportações recuaram 15,2% na primeira semana de dezembro em comparação a dezembro do ano passado

9 dez 2013
15h44
  • separator
  • 0
  • comentários

A balança comercial brasileira registrou déficit de US$ 275 milhões na primeira semana de dezembro, informou nesta segunda-feira o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. Entre os dias 1 e 8 deste mês, as exportações somaram US$ 4,188 bilhões e as importações, US$ 4,463 bilhões.

As exportações recuaram 15,2% na primeira semana de dezembro pela média diária das operações em comparação a dezembro do ano passado devido a menores vendas no exterior de produtos básicos - como petróleo em bruto, algodão, café em grão e minério de ferro, entre outros-- e manufaturados - entre eles, aviões, óleos combustíveis e autopeças.

Já importações apresentaram alta de 2% pela média diária das operações na comparação com dezembro de 2012 devido aos maiores gastos com aeronaves e peças, farmacêuticos, siderúrgicos e aparelhos eletroeletrônicos. No acumulado do ano até a primeira semana de dezembro, as exportações somam US$ 225,520 bilhões e as importações, US$ 225,888 bilhões. O saldo comercial está negativo em US$ 368 milhões no ano.

A balança comercial vem sendo fortemente afetada pelo elevado déficit na conta petróleo, que de janeiro a novembro registrou saldo negativo de US$ 19,5 bilhões. Com o desempenho obtido até o momento a expectativa do governo é que a balança encerre 2013 com leve superávit comercial ou com baixo déficit.

A ausência de um superávit robusto na balança comercial é um dos fatores de deterioração das contas externas do país. Em outubro, a conta transações correntes registrou déficit de US$ 7,132 bilhões, elevando para US$ 67,5 bilhões o rombo acumulado no ano.

 

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade